Política de Cookies (1)

Um cookie, no âmbito do protocolo de comunicação HTTP usado na Internet, é um pequeno arquivo de computador ou pacote de dados enviados por um site de Internet para o navegador do usuário, quando o utilizador visita o site. Isso significa que ao acessar novamente nosso website, seu equipamento será reconhecido, e nos casos em que a navegação exige cadastro para acesso, como usuário e senha, estas informações já estarão carregadas.

A plataforma onde está hospedado nosso website utiliza cookies apenas para lhe oferecer uma ótima experiência e desempenho, também para monitorar e analisar o desempenho, operação e eficácia da plataforma garantindo a segurança da navegação. Não armazenamos dados em nosso website nesse processo.

A título de informação a plataforma onde está hospedada o nosso website utiliza os seguintes cookies:

 

2- Sobre o gerenciamento dos cookies, a qualquer momento os usuários poderão remover os cookies armazenados até aquele momento, seguindo o seguinte caminho:

         No sistema operacional Windows:

No computador, abra o Navegador.

No canto superior direito, clique em configurações. A opção Cookies poderá aparecer imediatamente ou,

Em "Privacidade e segurança", clique em Cookies e outros dados do site.

Neste menu é possível gerenciar os cookies, visualizar, remover etc.

 

 

         Ambientes da Apple - iMac e MacBook

Escolha o menu Ação > Preferências e clique em Segurança. (O menu Ação fica no canto direito superior da janela do Safari e se parece com uma engrenagem.)

Na seção “Aceitar Cookies”, especifique se e quando o Safari deve aceitar cookies de sites. Para obter uma explicação das opções, clique no botão Ajuda (que se parece com um ponto de interrogação).

Se deseja ver mais informações sobre os cookies armazenados em seu computador, clique em Mostrar Cookies. As seguintes informações são exibidas para cada cookie:

Site que armazenou o cookie

Nome

Caminho ou local no computador

Estado de segurança; os cookies marcados como “seguro” são enviados por uma conexão criptografada

Data de vencimento (quando o cookie será removido do seu computador)

Conteúdo (geralmente uma sequência de códigos)

Se ajustar o Safari para bloquear cookies, pode ser necessário aceitar cookies temporariamente para abrir uma página. Repita os passos acima, selecionando Sempre. Quando tiver terminado de visualizar uma página, desative os cookies novamente e remova os cookies da página.

Como habilitar cookies no iPhone

Abra o aplicativo "Ajustes"

Desça a tela e clique em "Safari"

Na parte de "Privacidade e Segurança", garanta que as funções "Impedir Rastreamento" e "Bloquear Todos os Cookies" estejam desabilitadas.

Política de Privacidade e Dados Pessoais (2)

Hospital SAHA, pessoa jurídica de direito privado inscrita no CNPJ sob o nº 07.045.325/0001-30, com sede à rua Maestro Cardim, nº 407 , 1º ao 5º andares – no bairro da Liberdade, em São Paulo/SP, CEP - 01323-000 e SAHA Centro de Infusões, pessoa jurídica de direito privado inscrita no CNPJ sob o nº 04.104.895/0001-65, com sede à rua Maestro Cardim, nº 407, 1º ao 5º andares – no bairro da Liberdade, em São Paulo/SP, CEP – 01323-000 SP- SAO PAULO - SP , representada para fins desta política de privacidade e dados pessoais por Márcio Pereira – encarregado.lgpd@hospialsaha.com.br.

 

 

1. Esta política está baseada na Lei 13.709 de 14 de agosto de 2018, a Lei Geral de Proteção de Dados, LGPD, e tem como fundamentos: (i) o respeito à privacidade , (ii) a autodeterminação informativa, (iii) a liberdade de expressão, de informação, de comunicação e de opinião, (iv) a inviolabilidade da intimidade, da honra e da imagem, (v) o desenvolvimento econômico e tecnológico e a inovação, (vi)a livre iniciativa, a livre concorrência e a defesa do consumidor, e, (vii) os direitos humanos, o livre desenvolvimento da personalidade, a dignidade e o exercício da cidadania, pelas pessoas naturais, que são usuárias de nossos serviços prestados na área da saúde, e bem assim dos parceiros comerciais, prestadores de serviços, colaboradores,  dentre tantos outros que conosco interagem e que se enquadrem como Titulares dos dados.

2. Diante da importância que Hospital SAHA e SAHA Centro de Infusões atribuem a navegação e dados pessoais dos         Titulares, a política apresenta de forma clara e inequívoca como os seus dados pessoais poderão serem coletados, produzidos, recepcionados, classificados, utilizados, acessados, reproduzidos, transmitidos ,distribuídos, processados, arquivados, armazenados, eliminados, avaliados, modificados, comunicados, transferidos, difundidos ou extraídos, não necessariamente nesta ordem ou com todas estas previsões legais.

3. Hospital SAHA e SAHA Centro de Infusões serão denominados simplesmente SAHA para detalhamento desta política.

 

​DEFINIÇÕES (conforme previsão na LGPD)

 

4. DADO PESSOAL: informação relacionada a pessoa natural identificada ou identificável; seu nome, o documento de identidade e o endereço de e-mail são exemplos de dado pessoal.

 

5. DADO PESSOAL SENSÍVEL: é o dado pessoal sobre origem racial ou étnica, convicção religiosa, opinião política, filiação a sindicato ou a organização de caráter religioso, filosófico ou político, dado referente à saúde ou vida sexual, dado genético ou biométrico, quando vinculado a uma pessoa natural (pessoa física).

 

6. DADO ANONIMIZADO: dado relativo a titular que não possa ser identificado, considerando a utilização de meios técnicos razoáveis e disponíveis na ocasião de seu tratamento.

 

7. BANCO DE DADOS: conjunto estruturado de dados pessoais, estabelecido em um ou vários locais, em suporte eletrônico ou físico;

 

8. TITULAR: pessoa natural a quem se referem os dados pessoais que são objeto de tratamento.

 

9. CONTROLADOR: pessoa natural ou jurídica, de direito público ou privado, a quem competem as decisões referentes ao tratamento de dados pessoais.

 

10. OPERADOR: pessoa natural ou jurídica, de direito público ou privado, que realiza o tratamento de dados pessoas em nome do controlador.

 

11. ENCARREGADO: pessoa indicada pelo controlador e operador para atuar como canal de comunicação entre o controlador, os titulares dos dados e a autoridade nacional de proteção de dados.

 

12. TERMO DE CONSENTIMENTO: documento que contenha a manifestação livre, informada e inequívoca pela qual o titular concorda com o tratamento de seus dados pessoais para finalidade determinada.

 

13. FINALIDADE: realização do tratamento para propósitos legítimos, específicos, explícitos e informados ao titular sem possibilidade de tratamento posterior de forma incompatível com essas finalidades.

 

 

TRATAMENTO DE DADOS PESSOAIS

 

14. SAHA fará a coleta dos dados pessoais dos usuários de seus serviços/clientes/pacientes e acompanhantes nos casos necessários, para a prestação dos serviços específicos na área da saúde, dentre suas especialidades oferecidas, a saber: (i) centro de intervenções guiadas por imagem, (ii) cirurgia bariátrica, (iii) cirurgia de cabeça e pescoço, (iv) coloproctologia, (v) dermatologia, (vi) gastroenterologia, (vii) ginecologia, (viii) oftalmologia, (vix) otorrinolaringologia, (x) ortopedia, (xi) pediatria, (xii) cirurgia plástica, (xiii) urologia, (xiv) vascular, (xv) psiquiatria, e (xvi) infusões.

 

15. Para fins da LGPD SAHA é a CONTROLADORA.

 

16. Diante das características de prestação de serviços na área da saúde nas diversas especialidades citadas acima, serão necessárias, muitas vezes a coleta de dados considerados sensíveis, por força da tutela da saúde e proteção à vida. Também, poderão ser coletados dados financeiros dos titulares de dados, que envolvam os tramites decorrentes dos procedimentos realizados e seu pagamento que poderá ser realizado diretamente pelo titular ou através de operadoras de saúde que mantenham convênios com o SAHA e podem exigir informações específicas e detalhadas para esta finalidade.

 

17. A coleta dos dados é realizada no momento da recepção do titular nas dependências de SAHA com o preenchimento da ficha de informações, às quais o titular expressará seu consentimento livre e inequívoco, diante das finalidades ali contidas, para seu atendimento hospitalar.

 

18. Além do consentimento, a coleta e tratamento de dados realizada por SAHA está tutelada pelas bases legais previstas na LGPD tanto na tutela da saúde, quanto na proteção da vida, bem como no legitimo interesse de SAHA, nas situações em que a base de dados seja utilizada, anonimizada, para pesquisas em prol do desenvolvimento científico voltado para a saúde.

 

 

19. Na área dos recursos humanos, SAHA faz a coleta e tratamento de dados dos seus funcionários para atendimento às normas regulatórias trabalhistas, bem como coleta informações de candidatos que desejam habilitar-se em processos de recrutamento e seleção - no momento da entrega de seus currículos, que permanecem sob a guarda de SAHA pelo período de 12 (doze) meses contados de seu recebimento nos casos em que sejam chamados para o processo seletivo. Nos demais casos, sem a convocação para o processo seletivo, a guarda é por 90 dias. E para os funcionários, a guarda se dá pelo prazo de 05 anos após o desligamento para atendimento às exigências legais.


 

20. Por suas características, o website- www.hospitalsaha.com.br é apenas institucional, com a divulgação das informações e serviços prestados por SAHA, não permitindo solicitação de serviços e outros através de login e senha.

 

21. Apenas na área FALE CONOSCO, disponibilizamos a alternativa de cadastramento do NOME, E-MAIL, TELEFONE, ASSUNTO E MENSAGEM, em campos pré-estabelecidos para preenchimento dos usuários, além da opção através de envio de e-mail para o endereço selecaorh@hospitalsaha.com.br aos interessados em trabalhar na empresa.

 

22. Quando o dado a ser coletado for de menores de idade será obrigatória a obtenção do consentimento claro e inequívoco pelos pais do menor.

 

COMPARTILHAMENTO DOS DADOS PESSOAIS

 

23. Os dados pessoais coletados serão compartilhados entre os departamentos internos de SAHA, a saber: (i) recepção, (ii) suprimentos, (iii) comercial, (iv) enfermagem, (v) recursos humanos, (vi) manutenção, (vii) qualidade, (vix) tecnologia, (x) farmácia, (xi) contas médicas, (xii) financeiro, (xiii) central de guias, (xiv) faturamento, (xv) estrelar, (xvi) diretoria.

 

24. Este compartilhamento será exclusivamente para atender as necessidades de cada integrante da cadeia interna de SAHA com os dados pessoais constantes da base de dados. O manuseio e acesso dos dados será por funcionários formalmente designados para tal, dentro da política interna e governança de SAHA.

25. Os dados pessoais também poderão ser compartilhados com terceiros, integrantes da cadeia de atendimento ao titular, com quem SAHA mantém parcerias a saber: operadoras dos planos de saúde, clínicas médicas e médicos, laboratórios, a indústria farmacêutica, dentre tantos outros, sempre que as referidas “pessoas” estejam envolvidas na cadeia de atendimento.

 

26. De acordo com o previsto no item 16 acima SAHA poderá transmitir os seus dados a entidades como conselhos de classe, instituições de pesquisa, instituições médicas de excelência, laboratórios farmacêuticos, sempre de forma anonimizada para a contribuição em pesquisas, estudos e correlatos.

 

27. SAHA poderá também ser compelida a compartilhar dados com a justificativa de atender exigência legal, no cumprimento de ordens judiciais, ainda por determinação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados, ou outra autoridade governamental investida da mesma característica.

PRAZO DE TRATAMENTO DOS DADOS PESSOAIS

28. Os dados pessoais tratados por SAHA serão guardados pelo tempo necessário à finalidade na área da saúde que motivou sua coleta. O titular poderá requerer sua eliminação, que será prontamente atendida por SAHA, exceto nas hipóteses de cumprimento de obrigação legal ou regulatória que se sobreponha à LGPD.

 

DA SEGURANÇA E DO SIGILO DOS DADOS

 

29. Todo o tratamento, guarda e compartilhamento de dados, será feito seguindo todos os protocolos com máxima segurança, garantindo a privacidade e criptografias disponíveis. ​

 

30. SAHA mantém políticas internas prezando pelas boas práticas e da governança quanto aos dados pessoais em seu poder, como a prevenção contra acessos não autorizados em seus sistemas internos, a restrição de acesso aos dados digitais e físicos a pessoas previamente definidas,

 

31. Compromissos firmados com funcionários, prestadores de serviços, parceiros citados nos itens 23 e 24 acima e todos que porventura requeiram legalmente acesso à base ou parte dela, para que mantenham o sigilo absoluto das informações, adotando as melhores e mais eficazes práticas para o manuseio dos dados porventura recebidos.

 

32. Manutenção de governança prevendo treinamentos periódicos para sensibilização e atualização de protocolos de todos os funcionários no tocante ao tratamento dos dados pessoais.

 

33. Nas situações em que for detectado algum acesso não autorizado ou situações acidentais ou ilícitas de invasão ao banco de dados, SAHA se compromete a obedecer aos termos da LGPD, nos prazos ali estabelecidos, agindo prontamente junto aos titulares e autoridades. ​

 

DOS DIREITOS DO TITULAR

 

 

34. O titular dos dados pessoais tem direito a obter de SAHA em relação aos dados do titular por ele tratado, a qualquer momento e mediante requisição: (i) confirmação da existência de tratamento; (ii)  o acesso aos dados, (iii) a correção de dados incompletos, inexatos ou desatualizados; (iv) anonimização, bloqueio ou eliminação de dados desnecessários, excessivos ou tratados em desconformidade com o disposto nesta Lei; (v) a portabilidade dos dados a outro fornecedor de serviço ou produto, mediante requisição expressa, de acordo com a regulamentação da autoridade nacional, observados os segredos comercial e industrial, (vi) eliminação dos dados pessoais tratados com o consentimento do titular, exceto nas hipóteses previstas no artigo 16 da lei, (vii) informação das entidades públicas e privadas, com as quais o controlador realizou uso compartilhado de dados, (viii) informação sobre a possibilidade de não fornecer consentimento e sobre as consequências da negativa, (vix) a revogação do consentimento

 

35. Imperioso destacarmos que em virtude de normas específicas que se sobrepõe à LGPD, poderemos ficar impossibilitados de atender a algum tipo de requerimento por parte dos Titulares, principalmente se tal requerimento configurar uma violação a alguma lei. Nessas situações, todos os esclarecimentos serão prestados ao Titular sobre o impedimento, devidamente fundamentado.

 

 

CONTATOS COM SAHA SOBRE ESTA POLÍTICA DE PRIVACIDADE

 

 

36.  Caso tenha alguma dúvida sobre os termos desta política de privacidade e o tratamento dos seus dados pessoais poderá utilizar o endereço eletrônico encarregado.lgpd@hospitalsaha.com.br.

cookies.png